sábado, 21 de maio de 2016

O golpe é contra o Estado de bem-estar social

Quem tinha alguma dúvida não tem mais.

O objetivo do golpe é acabar com o incipiente Estado de bem-estar social criado pelos trabalhistas a partir de 2003.

E, claro, substituí-lo pelo "Estado mínimo", essa degeneração fundamentalista do capitalismo.

A pressa com que os interinos estão desmontando todas os projetos sociais e as medidas de proteção aos trabalhadores que reduziram a iníqua desigualdade do Brasil mostra bem quais são as ordens que receberam dos reais financiadores do golpe - o capital internacional, os financistas predadores, o "grande irmão do norte".

Seja qual for o resultado do processo de impedimento - é bom lembrar que ele ainda não está acabado -, o mal já terá sido feito.

Construir uma nação democrática, moderna, forte economicamente, respeitada e com voz em fóruns internacionais, é tarefa para dezenas de anos.

Para destruir uma nação, bastam apenas alguns meses.  (Carlos Motta)

Nenhum comentário:

Postar um comentário