segunda-feira, 9 de maio de 2016

Ao derrotado, a humilhação

No tempo da ditadura, Gregório Bezerra foi levado como um animal pelas ruas de Recife, preso, indefeso e fisicamente esgotado. 

As bestas-feras não se contentem em derrotar o inimigo; sentem prazer em humilhá-lo.

Nestes tempos de Brasil Novo um ex-ministro de Estado, ao qual o país deveria render homenagens por ter não só protegido, mas fortalecido a sua economia em meio à maior catástrofe financeira global desde os tempos do crash da Bolsa de Nova York, é conduzido sob vara para prestar um depoimento.

Este Brasil Novo é assustador. (Carlos Motta)



Nenhum comentário:

Postar um comentário